O Sistema de Dados e Relatórios de Imagem da Mama (em inglês Breast Image Reporting and Data System – BI-RADS®) foi desenvolvido pelo American College of Radiology (ACR), com o objetivo de padronizar a terminologia a ser usada nos exames de imagem da mama, estimar o risco desta alteração ser um câncer de mama, e estipular condutas a partir deste risco. Inicialmente foi desenvolvido apenas para a mamografia e posteriormente foi extendido para a ultrassonografia e a ressonância magnética de mamas. Atualmente o BI-RADS® encontra-se na 5a edição, lançada em 2013. As categorias são as seguintes:

BIRADS 1 – Exame normal

BIRADS 2 – Exame com achados benignos

BIRADS 3 – Exame com achados provavelmente benignos

BIRADS 4 – Exame com achados provavelmente malignos

BIRADS 5 – Exame com achados altamente suspeitos de malignidade

BIRADS 0 – Exame com achados inconclusivos

BIRADS 6 – Exame com achados positivos para câncer por biópsia prévia

Neste vídeo, explico resumidamente o que significa cada uma das categorias:

DEIXE UM COMENTÁRIO